17 de setembro de 2021, 04:05h

Gilmar Mendes diz que é preciso acreditar na “boa-fé” de Bolsonaro

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), em entrevista publicada pelo jornal Folha de S. Paulo, que é preciso acreditar na boa-fé do presidente Jair Bolsonaro, após a carta pacificadora à Nação.

“Vamos aguardar. Temos de acreditar na boa-fé da manifestação e vamos aguardar os desdobramentos”, disse o ministro do STF.

“Eu tenho a impressão de que foi a forma que se concebeu de se fazer uma revisão em relação a isso [aos ataques do presidente]. Eu não vou fazer questionamentos a propósito de estratégias políticas ou estratégias político-eleitorais. Cada qual terá a sua.

E é notório também, não vamos ser ingênuos, que de alguma forma antecipamos o processo eleitoral. O que deveríamos estar discutindo em 2022 nós já estamos discutindo em 202″, disse Gilmar Mardes.