1 de dezembro de 2021, 21:36h

Polícia apreende cargas de bebidas avaliadas em milhões de reais em Goiânia

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), em conjunto com a Polícia Militar de Goiás e a Secretaria de Economia de Goiás, após levantamentos investigativos, apreendeu volumosas cargas de bebidas – refrigerantes e cervejas – de origem ilícita.

As mercadorias eram vendidas em cinco grandes distribuidoras de bebidas da região metropolitana de Goiânia. O esquema desvelado pela Polícia Civil deu conta que os empresários envolvidos arquitetaram um sofisticado sistema de emissão de notas de pessoas jurídicas de outras unidades da federação, todas em nomes de “laranjas” e responsáveis por “esquentar” as cargas desviadas.

O volume financeiro negociado pelos empresários era muito grande: apenas uma das fabricantes de bebidas, conhecida mundialmente, chegou a sofrer prejuízos na ordem de R$ 20 milhões por mês.

Todos os investigados foram identificados e terão suas prisões realizadas, assim como a suspensão do funcionamento das atividades comerciais de suas empresas. Os auditores da Secretaria da Economia tiveram um relevante papel na investigação, oportunidade em que autuaram todas as pessoas jurídicas envolvidas no esquema delitivo.

As investigações prosseguem com o escopo de desmantelar a organização criminosa. Os investigados deverão responder por receptação qualificada, sonegação fiscal e organização criminosa. As informações são da Polícia Civil.