26 de outubro de 2021, 12:39h

Urgente: Bolsonaro determina que seja distribuído absorventes pra mulheres necessitadas: “PT queria tirar das vacinas e do SUS, vamos fazer da forma correta”

O presidente Jair Bolsonaro não caiou na armadilha que o PT fez para tentar pegar o presidente no crime de responsabilidade. Depois de repercussão  sobre o veto do presidente à distribuição gratuita de absorventes através de um projeto armadilha, o governo federal disse na sexta-feira (9), que irá trabalhar para viabilizar a medida.

Em um post no Twitter, a Secretaria de Comunicação reafirmou que os pontos vetados apresentavam problemas “técnicos e jurídicos”, que poderiam resultar em crime de responsabilidade fiscal.

“Apesar dos vetos, o Governo Federal irá trabalhar para viabilizar a aplicação dessa medida, respeitando as leis que envolvem o tema, para atender de forma adequada as necessidades dessa população”, disse a Secretaria de Comunicação Social da Presidência (Secom) em nota.

O PT botou o projeto para se tirar os recursos do SUS, ou seja, poderia prejudicar a distribuição de vacinas contra covid, fizeram uma espécie de pegadinha para que o presidente incorresse em crime de responsabilidade, nunca foi pelo social ou pelas mulheres já que Dilma já tinha vetado.