29 de novembro de 2021, 14:11h

Gangue pede US$ 17 milhões por resgate de missionários sequestrados no Haiti

Os criminosos do Haiti que sequestraram 17 missionários dos Estados Unidos e do Canadá pediram um resgate de US$ 1 milhão (R$ 5,5 milhões) por cada um dos sequestrados. Como são 17, o total chega a US$ 17 milhões (R$ 94,4 milhões). O “Wall Street Journal” publicou a informação ontem (19). O sequestro de 12 adultos e cinco crianças por uma gangue criminosa expôs as dificuldades que o Haiti enfrenta desde o assassinato do presidente Jovenel Moise. Os missionários trabalham para a organização Christian Aid Ministries, com sede nos Estados Unidos. A organização afirmou em um comunicado que o grupo foi sequestrado a leste da capital quando voltava de um orfanato.