20 de janeiro de 2022, 10:57h

Jantar oferecido por Bolsonaro a Mendonça tem orações e choro de Michelle

Na noite de terça-feira (30), véspera da sabatina de André Mendonça no Senado, o presidente Jair Bolsonaro e a primeira-dama Michelle promoveram no Palácio da Alvorada um jantar com parlamentares, pastores, ministros e o próprio André Mendonça. Houve oração e pregações. Em seu depoimento, a mulher do presidente chegou a chorar. Mendonça foi aprovado na quarta-feira (01) em sabatina realizada no plenário do Senado e será o novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), em substituição a Marco Aurélio Mello, que se aposentou em julho. A votação ficou 47 votos a favor e 32 contra.