17 de janeiro de 2022, 16:00h

Pastora é brutalmente assassinada na Igreja em Goiânia onde comandava campanha de orações

Pastora Odete tinha 79 anos de idade e era mãe do cantor gospel, Delino Marçal

A pastora Odete Rosalina Machado da Costa, de 79 anos, foi assassinada a pancadas e golpes de barra de ferro, na manhã desta sexta-feira (14/1), em Goiânia na igreja em que comandava uma campanha de orações neste início de ano. Paastora Odete era conhecida por sua generosidade, segundo fiéis, e mãe do cantor gospel Delino Marçal, de 35. Ele é ganhador do Grammy Latino Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa de 2019.

De acordo com testemunhas, a pastora estava em oração com os fiéis nesta manhã, no momento em que foi surpreendida pelo suspeito, que sem roupas pulou o muro da igreja e invadiu o local com discurso de ódio a evangélicos, no Residencial Kátia, região sudoeste de Goiânia. O cantor Delino compareceu ao local para ver a mãe.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros compareceu ao local, mas a vítima não resistiu a agressão. O boletim de ocorrência registra que a idosa foi encontrada na calçada.

“O autor teria se envolvido em uma briga com parentes ao tentar matar a própria companheira em outra região e logo após saiu para rua. Ele entrou na igreja e iniciou uma briga com um homem e, logo após, teria acertado a vítima com vários golpes com um objeto de metal”, diz trecho do boletim de ocorrência.

Segunda a Polícia, após praticar o crime de assassinato, o homem saiu do local e começou a jogar pedras em alguns ônibus até ser encontrado e preso pela Polícia Militar. O assassinao foi encaminhado para a Central de Flagrantes, em Goiânia, mas não teve o nome divulgado pela polícia.