26 de outubro de 2021, 11:22h

Prefeitura retoma obra de Cmei para até 376 crianças com previsão de entregar até março

“Quase R$ 1 milhão dos cofres públicos foram antecipados na retomada da construção que tem enorme importância para a população da Região Leste”, afirmou Marden Júnior. Construtora que venceu licitação disse que trabalho começa na próxima semana. Unidade terá capacidade para atender 376 crianças em dois turnos ou 188 em período integral

O prefeito Marden Júnior assinou na terça-feira (05/10) a ordem de serviço para a retomada das obras do Cmei Maria Reinalda Carvalho, no Setor Maísa 3. A unidade terá capacidade para atender 376 crianças em dois turnos ou 188 em período integral.

Na próxima semana os trabalhos serão reiniciados, com previsão de término até março. “Quase R$ 1 milhão dos cofres públicos foram antecipados na retomada da construção que tem enorme importância para a população da Região Leste”, afirmou Marden Júnior ao fim da cerimônia de assinatura da ordem de serviço.

Ele ressaltou que o município fez muitos esforços não programados, por causa da pandemia, e só em ações de saúde, investiu R$ 5 milhões de janeiro para cá. “Esse recurso fez falta na infraestrutura, por exemplo, mas estamos retomando, tanto que essa é a terceira obra de Cmei que estava parada em Trindade e que agora vai ser concluída com recurso próprio”, afirmou ele.

O recurso, que é antecipado pela Prefeitura, voltará para o município depois, vindo do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

No evento, ele adiantou que, além da recém anunciada obra da Maternidade Municipal, prevista para a Região Leste, também está planejada para sua gestão a construção de um anexo do Centro Administrativo na mesma região, “com todas as secretarias municipais presentes”.

Entre os presentes no evento, o vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento da Região Leste, Pastor Alcione, comemorou a confirmação das obras que vão beneficiar uma das regiões mais habitadas, carentes e afastadas geograficamente do Centro de Trindade.

Para o secretário de Educação, Sérgio Sanches, os muitos benefícios já realizados em sua área este ano são reflexo da forma de administrar Trindade que o prefeito adotou. “Ao permitir que a Educação gerencie os seus próprios recursos, o resultado é a entrega de obras que a comunidade carecia, como esse Cmei no Maísa”, citou.

Ele acrescentou ainda que o grande número de crianças a serem atendidas no Cmei “representa um ganho imenso para essa região”.

Convidado a falar, Marco Antônio de Lima, um dos diretores-presidentes da Balboa Engenharia, construtora que venceu a licitação para concluir a obra, informou que a empresa vai iniciar o trabalho na próxima segunda-feira. A previsão de entrega é para entre fevereiro e março de 2022.

À frente de vários vereadores, Wesley Cabeção, presidente da Câmara Municipal de Trindade, fez questão de destacar que a população da Região Leste cobrava muito o término dessa obra, e que isso se refletia na Câmara. “Os ex-vereadores Hélio Brás e Aninha Carvalho, aqui presente, lutaram muito para que isso se tornasse realidade”, frisou.

Convidada pelo prefeito a também falar, Aninha Carvalho foi efusiva no agradecimento pela homenagem à mãe dela, a senhora Maria Reinalda Carvalho, que dá nome ao novo Cmei. “Esperamos 8 anos pelo término dessa obra, então os moradores do Maísa 2 e 3, do Setor Bandeirantes e vizinhança, só têm a agradecer seu esforço, prefeito”, disse ela.

Estavam na cerimônia os pais do prefeito, a primeira-dama dona Dorinha e o senhor Marden Aguiar, a madrinha da Educação, Rouane Azevedo; os vereadores Pastor Zeca, Samuel Samuca, Doutor Diego, Baiano do Esporte, Johnatan Reis e Raimundo Neto; além dos secretários de Saúde, Rogério Taveira, de Esportes e Juventude, Luana Martins, de Assistência Social, Gabriela Alves, do Meio Ambiente, Roberto Badur, e de Indústria e Comércio, Gustavo Queiróz.

Também foram os presidentes das agências municipais de Turismo e Cultura, Warley Lopes, e de Segurança Pública, Juliano Reis; o presidente do Grupo de Operações de Emergência em Saúde, Cristiano Galindo, e o técnico do FNDE Brener Alves Ferreira, além de servidores da Educação e moradores próximos.