26 de outubro de 2021, 12:01h

Presidente de Taiwan diz que ilha não vai se curvar à China

A presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, disse hoje (10), que a ilha não se curvará à pressão exercida pela China. A declaração da líder taiwanesa ocorre poucos dias depois de o Partido Comunista Chinês (PCC) intensificar as incursões no espaço aéreo internacional de Taiwan, com número recorde de voos militares. “Ninguém pode forçar Taiwan a seguir o caminho que a China traçou para nós”, afirmou Tsai em discurso proferido durante a cerimônia de comemoração dos 110 anos da Revolução Xinhai, que estabeleceu a primeira república chinesa. “Queremos um relaxamento das relações com Pequim. Não vamos agir precipitadamente, mas eles não devem ter a ilusão de que o povo taiwanês se dobrará sob pressão”, acrescentou a presidente. Taiwan é democraticamente administrado por seu próprio governo desde 1949.