25 de julho de 2021, 17:00h

Três ciganos morrem em confronto após matar dois policiais na Bahia

Três homens envolvidos nos assassinatos de dois PMs na manhã de segunda-feira (13), em Vitória Conquista (BA), foram mortos pela polícia. O tenente Luciano Libarino Neves, de 34 anos, e o soldado Robson Brito Matos, de 30, foram assassinados na zona rural da cidade e tiveram as armas levadas pelos criminosos.

Logo após as mortes dos PMs, policiais de diversas unidades iniciaram uma caça aos criminosos e, na tarde do mesmo dia, encontraram  Ramon da Silva, o Ramonzinho Cigano. Ele foi o primeiro a ser morto pela polícia, no bairro de Lagoa das Flores, durante confronto armado. Ele foi socorrido, mas chegou morto ao Hospital Geral de Vitória da Conquista.

Já na quarta-feira (14), outros dois homens, também envolvidos nos assassinatos, foram mortos em um novo confronto com policiais na cidade de Itiruçu. Os homens mortos eram os irmãos Arlan e Dalvan da Silva Matos, de 25 e 27 anos.

Na hora, os suspeitos estavam no CrossFox, de cor preta, e avistaram uma barreira da PM. Eles tentaram fugir, mas foram perseguidos. Houve troca de tiros e os dois suspeitos foram baleados e socorridos até o hospital de Itiruçu, mas não resistiram.